Informações da página

Você está em: Página Inicial > Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação > Projetos

Início do conteúdo

Projetos de Pesquisa

 

Abaixo, encontram-se os projetos de pesquisa em andamento no Campus Canoas (ano de 2015):

 

Tecnociência e os fundamentos da educação profissional e tecnológica contemporânea

Coordenador: Vicente Zatti

Estudantes: João Pedro Medeiros Vasconcelos de Souza (BICET); Laura Menestrino Prestes (PIBIC-EM)

Resumo:

A observação das transformações na educação brasileira nos últimos anos, demonstra a valorização da educação profissional e tecnológica, com a expansão dos cursos técnicos e tecnológicos, contexto no qual em 2008, pela Lei 11.892, são criados os Institutos Federais de Educação. Paralelamente a essas transformações no campo da educação, o avanço técnico-científico, assume características tais que na filosofia da ciência o conceito de tecnociência ganha vulto como referência interpretativa. O conceito de tecnociência vem sendo utilizado para designar o estado da ciência contemporânea, que possui como característica estruturante servir 'a interesses ligados ao capital e ao mercado' (LACEY, 2013). Essa ciência que se estabelece alicerçada na mentalidade tecnocrática predominante nas instituições científicas, funda uma tendência que torna nebulosa a fronteira entre ciência e tecnologia e consolida uma relação de subserviência ao mercado. A questão que surge, então é: os Institutos Federais de Educação são uma proposta inovadora, 'política social capaz de emancipar' (PACHECO, 2010, p. 7), ou resultado de um processo de adequação das instituições científicas e educacionais à uma tecnociência que atende aos interesses do mercado e do capital? Para avançarmos nas reflexões a respeito dessa questão, partiremos das discussões da filosofia da ciência a respeito do conceito de tecnociência, nos valeremos dos instrumentais da filosofia da educação com o objetivo de elaborar uma filosofia da educação profissional. A hipótese a ser debatida nesse percurso de pesquisa, é que a proposta dos Institutos Federais constitui-se a partir de uma antinomia que preserva os elementos ambíguos colocados no problema acima.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Seminário Integrado no Ensino Politécnico: Reflexões, Possibilidades e Estratégias Educativas

Coordenadora: Gisele Palma

Servidores participantes: Simone Maffini Cerezer

Estudantes: Eduarda Santos de Oliveira (BICTES), Igor Rosa dos Santos (BICTES)

Resumo:

Os estudos ocorrerão no IFRS-Câmpus Canoas. A pesquisa empírica ocorrerá em uma escola da rede estadual de educação, localizada no município de Canoas - Rio Grande do Sul. A mesma destaca-se pelo trabalho desenvolvido nos Seminários Integrados, do Ensino Politécnico / Ensino Médio. Alguns encontros do Grupo de Pesquisa ocorrerão na Universidade Luterana do Brasil - ULBRA/Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática, devido à parceria realizada com a referida Instituição.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Literatura brasileira e transnacionalidades: deslocamentos, identidades e experimentações tecnológicas

Coordenadora: Cimara Valim de Melo

Servidores participantes: Fabiana Cardoso Fidelis, Sheila Katiane Staudt e Silvia de Castro Bertagnolli

Participantes externos: Edward King (University of Bristol) e Ginia Maria Gomes (UFRGS)

Estudantes: Andrés Vidal Berriel (BICET) e Augusto Zanella Bardini (BICET)

Resumo:

O presente projeto de pesquisa apresenta como objeto o desenvolvimento de estudos científicos e soluções tecnológicas integrados aos Estudos de Literatura, com o objetivo de compreender suas relações com os processos de internacionalização do sistema literário brasileiro, bem como contribuir com tecnologias inovadoras em prol da valorização do patrimônio artístico-cultural do país. Para isso, será desenvolvida pesquisa de natureza aplicada, já que suas metas dizem respeito à solução de problemas reais em nível sociocultural e tecnológico. Quanto a sua finalidade, a metodologia envolverá pesquisa bibliográfica, exploratória, descritiva e intervencionista. O projeto também contará com as abordagens qualitativa, para análise da fortuna crítica acerca dos processos transnacionais experienciados pela literatura brasileira contemporânea e para a verificação do suporte tecnológico a ser utilizado no desenvolvimento dos produtos e processos; e quantitativa, para o levantamento dos dados acerca do legado da literatura brasileira em tradução. Como resultados,pretende-se gerar publicação científica sobre literatura brasileira contemporânea e identidades transnacionais, como sistematização dos estudos realizados pelos pesquisadores envolvidos; base de dados sobre o legado tradutório da literatura brasileira em língua inglesa, com vistas a facilitar o processo de escolha de novos autores e obras a serem traduzidos em instituições brasileiras e estrangeiras; interface de compartilhamento de trabalhos de tradução para gerenciamento do fluxo de dados e conexão entre as diferentes etapas do processo tradutório da literatura brasileira. O projeto espera, assim, gerar a transferência de saberes e de tecnologia entre instituições nacionais e internacionais.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Modelagem Matemática Aplicada a Ecologia

Coordenadora: Priscila Azevedo da Silveira

Servidores participantes: Carina Loureiro Andrade

Estudantes: Maria Eduarda Hojnacki Costa (BICTES), Carlos Fernando Deboita dos Santos (Voluntário)

Resumo:

Neste projeto de pesquisa estamos propondo a aplicação da modelagem matemática na análise de fenômenos ecológicos. A modelagem ocorre através de equações diferenciais. Esta abordagem vem sendo utilizada para modelar fenômenos deste tipo desde o século XVII e exerce até hoje um papel fundamental na descrição da dinâmica populacional de indivíduos biológicos, permitindo avaliações qualitativas e quantitativas do comportamento das espécies. A proposta consiste em inicialmente promover um estudo acerca dos conceitos e métodos matemáticos necessários para que se possa desenvolver a pesquisa, seguido pela realização de uma pesquisa bibliográfica com o objetivo de obter sistemas ecológicos para serem modelados matematicamente. Sequencialmente, os modelos matemáticos são formulados e analisados através da aplicação dos conceitos e métodos matemáticos estudados. Os resultados das análises vão produzir resultados que determinam o comportamento das espécies envolvidas no sistema e podem gerar previsões que sejam úteis do ponto de vista da aplicação. Dependendo dos resultados obtidos, pode-se ainda determinar estratégias de gerenciamento das densidades populacionais envolvidas. A concretização deste projeto proporcionará o desenvolvimento da pesquisa em matemática aplicada na instituição, bem como a utilização dos seus resultados na respectiva área de aplicação.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Uma Plataforma Robótica de Baixo Custo Baseada em Arduino e Android

Coordenador: Rafael Coimbra Pinto

Estudante: Guilherme Prezzi (BICET)

Resumo:

Este projeto visa desenvolvimento de uma plataforma de robótica móvel de baixo custo utilizando hardware e software abertos, mais precisamente, Arduino e Android. Ao permitir que o robô usufrua dos sensores e recursos de comunicação presentes em um smartphone Android, é possível construir um hardware de baixíssimo custo que apenas forneça o recurso de locomoção. Como 75% dos brasileiros possuem telefone celular, 76% do mercado brasileiro de telefonia celular é composto por smartphones, e destes, 87% utilizam o sistema operacional Android, esta se torna uma opção altamente acessível, podendo o usuário apenas acoplar o telefone que já possui. Além de propósitos didáticos e de pesquisa, esta plataforma permite aplicações em mapeamento, vigilância e telepresença, entre outras.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Utilização de Tecnologia Móvel para Educação

Coordenador: Igor Lorenzato Almeida

Servidores participantes: Denise Regina Pechmann

Estudantes: Augusto Zanella Bardini (voluntário)

Resumo:

Este projeto de pesquisa visa explorar o potencial da tecnologia móvel no auxílio à aprendizagem. Considerando que esta tecnologia a cada dia que passa ganha mais espaço em toda a sociedade, pretende-se explorar sua popularidade desenvolvendo ferramentas que auxiliem os alunos em suas tarefas e compromissos educacionais em momentos extraclasse. Este aplicativo será voltado a smartphones e tablets, e sua utilização por um grupo de alunos será acompanhada e avaliada a fim de indicar sua eficiência na forma da melhoria na organização destes alunos para com suas atividades e compromissos acadêmicos.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

A robótica como ferramenta para qualificar o ensino no IFRS - Câmpus Canoas

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores participantes: Patrícia Nogueira Hubler, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello, Mariano Nicolao

Bolsistas: Queizy Sartori Domingues (PIBIC-EM), Northon Iserhardt (PIBIC-EM), Felipe Ricardi (voluntário), Eduardo Franco Zonta (voluntário), Henrique Werner Delazeri (voluntário)

Resumo:

A robótica possui inúmeras aplicabilidades, sendo que, atualmente, ela vem ganhando destaque no contexto educacional, onde robôs são construídos e/ou utilizados por alunos e professores de modo que o conhecimento seja construído através da interação com os objetos criados. Desse modo, vislumbrando algumas aplicabilidades e vantagens da robótica, foi elaborado o presente projeto que tem como foco o uso da robótica como forma de qualificar o processo de ensino e aprendizagem dos cursos, dos diversos níveis e áreas, do IFRS câmpus Canoas. A robótica será usada de modo que o aluno ao construir, programar e interagir com o robô possa desenvolver seu pensamento, compreendendo como os processos e as relações com a realidade ocorrem, e os resultados obtidos a partir destes. Para tanto, o projeto utilizará a pesquisa investigativa e exploratória, baseada em estudos de caso e na resolução de problemas. Espera-se que ao concluir o projeto sejam organizadas oficinas de robótica no câmpus para alunos da comunidade interna e externa, bem como a construção de diversos robôs, que irão ser construídos pelos envolvidos no projeto. Assim, pretende-se estabelecer um espaço de aprendizagem multidisciplinar e integrador das mais diversas áreas do conhecimento.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

RoboLab: implantação de um laboratório para experimentações em robótica educacional

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores participantes: Patrícia Nogueira Hubler, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello, Mariano Nicolao

Bolsistas: Luciane da Silva (bolsista CNPq ATP - B), Guilherme Santos da Fontoura (bolsista CNPq ITI-B)

Resumo:

O objetivo geral deste projeto é a implantação de um laboratório que propicie realizar experimentações com robótica, interligando diferentes áreas do conhecimento. Cabe destacar, que a documentação das experimentações auxiliará na produção de kits de robótica educacional, já apontados como uma demanda pela empresa parceira. Além disso, a correlação com outras áreas do conhecimento é essencial para que os alunos envolvidos com o projeto possam compreender como as áreas do conhecimento são importantes, e que elas também integram a formação de um profissional técnico. Os contatos e parcerias com a Instor iniciaram a partir do convênio Petrobras/BNDES com o câmpus Canoas. A empresa desenvolveu o KRE com base nas solicitações apontadas pelos envolvidos com o convênio. Esse robô é um robô específico para a área de automação e possibilita o transporte de cargas de até 4kg, pois toda a parte mecânica foi projetada para este fim. Na época que este kit estava sendo elaborado, em conversas informais com os representantes da empresa, percebeu-se que a Instor poderia desenvolver kits robóticos educacionais. Porém, o que foi apontado como aspecto limitador seria justamente a questão pedagógica. Com o lançamento do edital, a relação entre Instor e IFRS câmpus Canoas se estreitou novamente e surgiu a possibilidade do câmpus colaborar com a elaboração de kits de robótica educacionais, de modo que eles possam ser comercializados pela Instor em conjunto com o IFRS.

 

#############################################################################################

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Abaixo, encontram-se os projetos de pesquisa do Câmpus Canoas em 2014:

 

Projeto: Tecnociência e os fundamentos da educação profissional e tecnológica contemporânea.

Coordenador: Vicente Zatti

Servidores participantes: Cláudio Antônio Cardoso Leite, Édson Régis de Jesus e Sandra Cristina Donner

Estudantes: João Pedro Medeiros Vasconcelos de Souza (BICET); Laura Menestrino Prestes (voluntária)

Resumo: A observação das transformações na educação brasileira nos últimos anos, demonstra a valorização da educação profissional e tecnológica, com a expansão dos cursos técnicos e tecnológicos, contexto no qual em 2008, pela Lei 11.892, são criados os Institutos Federais de Educação. Paralelamente a essas transformações no campo da educação, o avanço técnico-científico, assume características tais que na filosofia da ciência o conceito de tecnociência ganha vulto como referência interpretativa. O conceito de tecnociência vem sendo utilizado para designar o estado da ciência contemporânea, que possui como característica estruturante servir 'a interesses ligados ao capital e ao mercado' (LACEY, 2013). Essa ciência que se estabelece alicerçada na mentalidade tecnocrática predominante nas instituições científicas, funda uma tendência que torna nebulosa a fronteira entre ciência e tecnologia e consolida uma relação de subserviência ao mercado. A questão que surge, então é: os Institutos Federais de Educação são uma proposta inovadora, 'política social capaz de emancipar' (PACHECO, 2010, p. 7), ou resultado de um processo de adequação das instituições científicas e educacionais à uma tecnociência que atende aos interesses do mercado e do capital? Para avançarmos nas reflexões a respeito dessa questão, partiremos das discussões da filosofia da ciência a respeito do conceito de tecnociência, nos valeremos dos instrumentais da filosofia da educação com o objetivo de elaborar uma filosofia da educação profissional. A hipótese a ser debatida nesse percurso de pesquisa, é que a proposta dos Institutos Federais constitui-se a partir de uma antinomia que preserva os elementos ambíguos colocados no problema acima.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: PENSAQUI: um objeto educacional sobre transformações químicas

Coordenadora: Patrícia Nogueira Hubler

Servidores participantes: Daniela Rodrigues da Silva, Silvia de Castro Bertagnolli, Vitor Secretti Bertoncello

Estudantes: Érika Piachescki Abreu (BICET)

Resumo: O presente projeto de pesquisa propõe o desenvolvimento de um protótipo de objeto educacional sobre as transformações químicas, um conteúdo fundamental para o estudo de química presente, desde as últimas séries do ensino fundamental até as séries finais do ensino médio. A proposta é organizada a partir de pressupostos construtivistas, onde a concepção pedagógica do objeto educacional problematizará concepções diferentes das cientificamente aceitas, que constituem obstáculos à aprendizagem de conceitos construídos pela ciência. A interação entre o estudante e o objeto educacional permitirá, além de uma estratégia de ensino e aprendizagem, um instrumento para o professor conhecer quais são as compreensões dos seus estudantes a respeito de conceitos que estruturam o estudo da química.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Análise da Gestão dos Processos de Negócio em Instituições de Ensino Técnico e Tecnológico: Um Estudo de Caso

Coordenador: Rodrigo Perozzo Noll / Docente

Servidores participantes: Mariano Nicolao, Patrícia Nogueira Hubler e Vitor Secretti Bertoncello

Estudantes: Luiza Mostoswiski Oliveira (BICET) e Giulia Ferreira Noelo (voluntária)

Resumo: A gestão de processos é baseada na gerência das atividades necessárias para uma empresa entregar produtos ou serviços. A tecnologia da informação desempenha um papel chave nesta gestão através do uso de métodos e ferramentas necessários para lidar com as necessidades organizacionais de revisar - e idealmente melhorar - os diversos processos de seu negócio. A gestão de processos de negócio permite que organizações modelem e executem fluxos de trabalho ao mesmo tempo que viabiliza a melhoria da qualidade desses processos através do uso de ferramentas de monitoramento e de avaliação de processos. Neste contexto, este projeto tem como objetivo apresentar um estudo de caso para avaliar a eficiência e eficácia da gestão de processos de negócio em instituições de ensino técnico e tecnológico. A metodologia utilizada para esta pesquisa será um estudo de caso descritivo que examinará este fenômeno em profundidade com predominância de análises dissertativas dos processos de negócio que envolvem as atividades de Ensino, Pesquisa, Extensão e Administrativas dos Institutos Federais. Os resultados almejados por esse projeto incluem a identificação, mapeamento, modelagem, codificação, execução e avaliação dos processos de negócio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - IFRS - Câmpus Canoas. Com isso, pretende-se no referido câmpus melhorar a organização dos papéis, estruturar, divulgar e possivelmente automatizar os fluxos de trabalho, permitindo assim uma visão analítica completa da instituição com o objetivo de contribuir com a oferta de serviços públicos de qualidade.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Novas Tecnologias e Literatura: possibilidades de ensino-aprendizagem

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores participantes: Cimara Valim

Estudantes: Giovana Hermes Tonello (BICET)

Resumo: Este projeto de pesquisa investiga as relações entre literatura e novas tecnologias a partir de uma visão teórico-crítica sobre o literário, em especial a narrativa dos séculos XX e XXI, bem como sobre as possibilidades metodológicas de ensino-aprendizagem provenientes da relação entre Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) e Literatura. O projeto busca, para isso, desenvolver, por meio da pesquisa aplicada, produtos e processos de ensino-aprendizagem que conectem as áreas de Ciência da Computação e Letras no IFRS - Câmpus Canoas, tendo em vista o desenvolvimento de protótipos literários a partir do programa RPG Maker VX Ace e o uso de diferentes e-readers em atividades em prol do desenvolvimento da leitura e da escrita. Para a realização de tais ações, ele conta com os métodos de investigação bibliográfica, exploratória, descritiva e intervencionista. Como resultados esperados, estão o aprofundamento teórico sobre a (neo)leitura, bem como o desenvolvimento do hábito de leitura por parte de alunos do IFRS, além da elaboração de produtos tecnológicos e de processos metodológicos vinculados aos textos literários e às novas tecnologias.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Inovação no setor de energias alternativas: políticas e agentes no Brasil, Canadá e Japão

Coordenador: Leandro Raizer

Estudantes: Leonardo de Sousa (BICET)

Resumo: A pesquisa analisa o processo de inovação no setor de energias alternativas no Brasil, com ênfase no Estado do Rio Grande do Sul, contextualizando esse caso em meio a experiências nacionais e internacionais (Canadá e Japão). Além disso, a análise dessas redes específicas torna-se relevante tanto por suas características estruturais (heterogeneidade de agentes e processos implicados), quanto pelo sentido/função que é atribuído à ciência como esfera aplicável e tecnológica, essa última, parece ser uma tendência que está se tornando dominante na ciência do século XXI. Ambas as características necessitam de atenção e de análise sociológica que seja capaz de captar a complexidade dos processos técnicos e sociais imbricados nos processos de produção de conhecimento e inovação, e seu impacto nas estratégias de desenvolvimento regional. Entre os referenciais teóricos destaca-se o conjunto de estudos da sociologia do meio ambiente (LEAHY, 2008; PRETTY, 2007; KING et Ali, 2005; DUNLAP et Ali, 2002) e da ciência (CALLON, 2000, 1987; LATOUR, 2000, 1994), além de autores da economia da inovação. Tal ferramental interdisciplinar é fundamental para a compreensão do fenômeno estudado que apresenta tanto aspectos biológicos, como econômicos, políticos, culturais e ecológicos. Essa pesquisa dá continuidade a estudos anteriores realizados sobre a temática.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Software Winstats: Uma Possibilidade para o Ensino e Aprendizagem de Estatística e Probabilidade no Ensino Médio

Coordenadora: Simone Maffini Cerezer

Servidores participantes: Ricardo Silva Ribeiro

Estudantes: Émerson De Senna Diogo (BICTES)

Resumo: Tendo em vista que o ensino da Estatística e da Probabilidade é importante para a formação e desenvolvimento pessoal dos alunos, pois desenvolve habilidades de análise crítica e argumentação, é imprescindível que se leve em consideração uma prática pedagógica voltada para aquisição dessas habilidades. Ainda, diante do atual cenário tecnológico, há a necessidade de um ensino que concilie o desenvolvimento do raciocínio e da criatividade com as tecnologias. Assim, os objetivos deste trabalho consistem em investigar as contribuições do software Winstats, que é um programa livre, para o ensino e a aprendizagem da Estatística e Probabilidade no Ensino Médio, bem como mostrar a importância do estudo da Estatística, da Probabilidade e da utilização de tecnologias na prática pedagógica; explorar o software Winstats e analisar suas funcionalidades e propor atividades que contribuam na compreensão dos conceitos de Estatística e Probabilidade que podem ser desenvolvidos com o uso do software Winstats. É uma pesquisa que pode ser considerada do tipo bibliográfica e colaborativa. Como metas a serem alcançadas pela equipe do projeto estão à publicação de artigos em revistas científicas, comunicações em congressos e elaboração de material didático para qualificar as aulas de Estatística e Probabilidade que, em geral, fazem parte da disciplina de Matemática no Ensino Médio. A ideia é elaborar material que ajude o estudante a desenvolver habilidades e/ou competências que contribuam para uma aprendizagem expressiva dos conceitos de Estatística e Probabilidade.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Utilização de Tecnologia Móvel para Educação

Coordenador: Igor Lorenzato Almeida

Servidores participantes: Denise Regina Pechmann

Estudantes: Augusto Zanella Bardini (BICET) e Augusto Marlon Berwaldt de Oliveira (voluntário)

Resumo: Este projeto de pesquisa visa explorar o potencial da tecnologia móvel no auxílio à aprendizagem. Considerando que esta tecnologia a cada dia que passa ganha mais espaço em toda a sociedade, pretende-se explorar sua popularidade desenvolvendo ferramentas que auxiliem os alunos em suas tarefas e compromissos educacionais em momentos extraclasse. Este aplicativo será voltado a smartphones e tablets, e sua utilização por um grupo de alunos será acompanhada e avaliada a fim de indicar sua eficiência na forma da melhoria na organização destes alunos para com suas atividades e compromissos acadêmicos.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Desenvolvimento de um Sistema Flexível de Manufatura no Laboratório de Automação do IFRS Câmpus Canoas

Coordenador: Edison Silva Lima

Servidores participantes: Otavio Simões Mano, Adão Felipe Oliveira Skonieski, Ricardo Freitas Vergara, Mariano Nicolao, Silvia de Castro Bertagnolli, Miguel Ignácio Serrano

Estudantes: Maicon Ribeiro Torrel (BICTES)

Resumo: O presente projeto de pesquisa intitulado Desenvolvimento de um Sistema Flexível de Manufatura no Laboratório de Automação do IFRS Câmpus Canoas pretende realizar estudos e pesquisas tecnológicas que proporcionem o desenvolvimento e a implantação de um Sistema Flexível de Manufatura - FMS no Laboratório de Automação do Câmpus Canoas do IFRS, utilizando os elementos já disponíveis no referido laboratório, como braço mecânico, trilho linear, torno e fresa CNC, armazém de estoque de peças, agregando novos elementos como transportadoras pneumáticas, desenvolvendo e/ou configurando programas computacionais que possibilitem este desenvolvimento, como sistemas CAD/CAE/CAM e sistemas de modelagem de FMS. No primeiro ano do projeto pretende-se configurar um braço mecânico para alimentação das máquinas CNC e um sistema CAD/CAE/CAM para programação automática destas máquinas CNC.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: APSCL. Perspectivas para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Câmpus Canoas

Coordenador: Heraldo Makrakis

Estudantes: Rogério Ivan de Oliveira

Resumo: No transcorrer do século XXI em meio a sucessivas crises econômicas globais o Brasil se encontra diante de um impasse. Ou mantém as políticas educacionais de reprodução de conhecimento acadêmicos ou assume o desafio de ser uma nação produtora de saberes e fazeres politécnico ou tecnologia. Para que seja viabilizada a segunda opção foi adotada a política da Educação Profissional e Tecnológica que deve estar em consonância com as políticas públicas e em articulação com os diversos agentes sociais envolvidos no processo: setor privado, setor público e comunidade interna e externa. Portanto é fundamental que sejam desenvolvidas políticas, ações, metodologias que possibilitem a sinergia entre os diversos agentes sociais envolvidos no processo. No cumprimento desta política se faz necessário o mapeamento do arranjo produtivo, social e local de área de abrangência dos Institutos Federais. A questão de ordem prática é que não existe nenhuma metodologia para este mapeamento e tampouco estudos transdisciplinares integrando as diversas dimensões do APSCL como o econômico, social cultural, político, científico-tecnológico e as práticas educacionais politécnicas. A proposta ousa discutir os fundamentos, procurar envolver os agentes do processo, propor metodologias para elaborar um mapeamento das potencialidades de desenvolvimento socioeconômico e cultural no âmbito de atuação do IFRS Câmpus Canoas em benefício da consolidação e fortalecimento dos arranjos produtivos, sociais e culturais locais.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Fisiologia do Medo

Coordenador: Cristiane Silva da Silva

Estudantes: Érica Lima de Campos (BICET); Maiane dos Santos Kael Pinto (voluntária); Karen Giovanaz Nunes (voluntária)

Resumo: O medo pode ser considerado como um sistema adaptativo do comportamento defensivo, desenvolvido no curso de evolução, básico para a sobrevivência de indivíduos e espécies e que estaria relacionado ao que pesquisadores classificam como 'consciência social', no qual os indivíduos, a partir de estímulos ambientais, conseguem consolidar aprendizagem e memória. Neste contexto, o objetivo deste trabalho é identificar as estruturas dos sistemas nervoso e endócrino responsáveis pela regulação dos mecanismos motivacionais e emocionais que podem estar relacionados à sensação de medo. Para a realização deste trabalho será utilizado questionário para a identificação dos tipos de medo e dos efeitos provocados nos indivíduos, aplicação de jogos e elaboração de vídeo para explicar o conceito de medo, diferenciando de ansiedade e pânico. Como resultado, espera-se compreender como o organismo reage, psicologicamente e fisiologicamente, a estímulos que causam medo, pânico ou ansiedade, estabelecendo relação com as estruturas dos sistemas nervoso e endócrinos envolvidas nestas respostas. Adicionalmente, uma vez atingidos os objetivos propostos, espera-se, ainda, construir, junto aos discentes dos cursos técnicos integrados, uma forma de aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula, incentivando-os à investigação, ao aprofundamento teórico e à inserção na realização de trabalhos de iniciação científica.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Mundos Virtuais na Educação: Plataformas de desenvolvimento em 3D

Coordenador: Mariano Nicolao

Servidores participantes: Andreia Solange Bos

Estudantes: Karel Model de Miranda (BICET)

Resumo: Pesquisas em informática na Educação estão sendo alvo de mudanças com a evolução da internet. Conforme Mattar (2007), ao longo da última década, aumentou-se muito o interesse em mundos virtuais em três dimensões (3D) como ferramentas para melhorar o processo de ensino-aprendizagem e estimular o conhecimento e o desenvolvimento do aluno. Segundo Hodge, Collins e Giordano, 2011, apud Silva, 2012, O surgimento e o uso de ambientes virtuais para desenvolver e para promover a aprendizagem na educação é um fenômeno novo, que está crescendo em ritmo acelerado. Para (Valente e Mattar, 2007) apud Silva, 2012, os mundos virtuais possibilitam a realização de uma série de atividades, entre elas, atividades de cunho educacional e de treinamento. As qualidades únicas dos mundos virtuais 3D permitem oportunidades para experiências sensoriais imersivas, contextos e atividades para o aprendizado experimental, simulação, modelagem de cenários complexos, entre outros, com oportunidade de colaboração e co-criação que não podem ser facilmente experimentadas em outras plataformas. (Valente e Mattar, 2007). Existem diversas plataformas de mundos virtuais 3D, mas alguns podem ser destacados, como o Open Wonderland http://www.openwonderland.org/), Second Life http://www.secondlife.com/) e Open Simulator (http://www.opensimulator.org/). Considerando estas potencialidades de mundos virtuais encontra-se em desenvolvimento um projeto de inserção de jogos sérios em mundos virtuais como apoio ao processo de ensino e aprendizagem para os cursos da área de computação.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Logística reversa nas indústrias de equipamentos eletroeletrônicos do RS

Coordenador: Jaqueline Terezinha Martins Corrêa Rodrigues

Estudantes: Débora Rattes Viana (voluntária)

Resumo: A utilização de equipamentos eletroeletrônicos cresce a cada ano que passa e resulta em aumento dos resíduos oriundos destes equipamentos, que podem contaminar o solo, a água e o ar se não tiverem a destinação correta. A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), aprovada em 2010, institui a logística reversa para os eletroeletrônicos e designa os fabricantes, comerciantes e representantes como responsáveis por esta implementação, havendo prazo para cumprimento destas exigências. O objetivo principal deste projeto é verificar a forma que a indústria de equipamentos eletroeletrônicos trata as questões ambientais e classifica-las considerando as ações realizadas para minimizar os impactos ambientais da produção e a implantação da logística reversa de seus produtos, ou seja, o atendimento à PNRS. A metodologia a ser utilizada consiste em revisão bibliográfica, pesquisa quantitativa e qualitativa em empresas fabricantes de produtos eletroeletrônicos (entrevistas pessoais, observações, questionários), elaboração de planilhas e aplicação de ferramentas estatísticas para classificação de dados em grupos. Como resultado espera-se determinar grupos de empresas que podem ser classificadas com alto, médio ou baixo atendimento às exigências da PNRS e outras requisitos ambientais. Desta forma, será possível verificar o nível de atendimento e comprometimento das indústrias de equipamentos eletroeletrônicos do RS com questões ambientais e legais.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: A robótica como ferramenta para qualificar o ensino no IFRS - Câmpus Canoas

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores participantes: Patrícia Nogueira Hubler, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello, Mariano Nicolao

Bolsistas: Filipe Oliveira (PIBIC-EM), Northon Iserhardt (PIBIC-EM)

Resumo: A robótica possui inúmeras aplicabilidades, sendo que, atualmente, ela vem ganhando destaque no contexto educacional, onde robôs são construídos e/ou utilizados por alunos e professores de modo que o conhecimento seja construído através da interação com os objetos criados. Desse modo, vislumbrando algumas aplicabilidades e vantagens da robótica, foi elaborado o presente projeto que tem como foco o uso da robótica como forma de qualificar o processo de ensino e aprendizagem dos cursos, dos diversos níveis e áreas, do IFRS câmpus Canoas. A robótica será usada de modo que o aluno ao construir, programar e interagir com o robô possa desenvolver seu pensamento, compreendendo como os processos e as relações com a realidade ocorrem, e os resultados obtidos a partir destes. Para tanto, o projeto utilizará a pesquisa investigativa e exploratória, baseada em estudos de caso e na resolução de problemas. Espera-se que ao concluir o projeto sejam organizadas oficinas de robótica no câmpus para alunos da comunidade interna e externa, bem como a construção de diversos robôs, que irão ser construídos pelos envolvidos no projeto. Assim, pretende-se estabelecer um espaço de aprendizagem multidisciplinar e integrador das mais diversas áreas do conhecimento.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: RoboLab: implantação de um laboratório para experimentações em robótica educacional

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores participantes: Patrícia Nogueira Hubler, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello, Mariano Nicolao

Bolsistas: Luciane da Silva (bolsista CNPq ATP - B), Guilherme Santos da Fontoura (bolsista CNPq ITI-B), Andrés Vidal Berriel (voluntário)

Resumo: O objetivo geral deste projeto é a implantação de um laboratório que propicie realizar experimentações com robótica, interligando diferentes áreas do conhecimento. Cabe destacar, que a documentação das experimentações auxiliará na produção de kits de robótica educacional, já apontados como uma demanda pela empresa parceira. Além disso, a correlação com outras áreas do conhecimento é essencial para que os alunos envolvidos com o projeto possam compreender como as áreas do conhecimento são importantes, e que elas também integram a formação de um profissional técnico. Os contatos e parcerias com a Instor iniciaram a partir do convênio Petrobras/BNDES com o câmpus Canoas. A empresa desenvolveu o KRE com base nas solicitações apontadas pelos envolvidos com o convênio. Esse robô é um robô específico para a área de automação e possibilita o transporte de cargas de até 4kg, pois toda a parte mecânica foi projetada para este fim. Na época que este kit estava sendo elaborado, em conversas informais com os representantes da empresa, percebeu-se que a Instor poderia desenvolver kits robóticos educacionais. Porém, o que foi apontado como aspecto limitador seria justamente a questão pedagógica. Com o lançamento do edital, a relação entre Instor e IFRS câmpus Canoas se estreitou novamente e surgiu a possibilidade do câmpus colaborar com a elaboração de kits de robótica educacionais, de modo que eles possam ser comercializados pela Instor em conjunto com o IFRS.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

Projeto: Investigando como a robótica educacional pode influenciar a formação profissional

Coordenadora: Patricia Nogueira Hubler

Servidores participantes: Silvia de Castro Bertagnolli, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello, Mariano Nicolao

Bolsistas: Richard Leal Ramos (bolsista CNPq/PIBIC-EM), Luis Felipe de Oliveira Castro (bolsista CNPq/PIBIC-EM)

Resumo: Ao se analisar diversas estatísticas na área de computação pode-se constatar que um dos principais gargalos para o crescimento econômico e industrial é a falta de mão de obra qualificada e especializada, principalmente no que se refere ao desenvolvimento e ao uso de novas tecnologias. Assim, foi elaborado o presente projeto, que tem como foco investigar como a robótica educacional pode incentivar e qualificar a mão de obra na área de computação. Através de kits robóticos educacionais doados através de convênio firmado pelo IFRS Câmpus Canoas com a Petrobras, espera-se que os bolsistas possam ter noções de robótica, para futuramente desenvolver experimentações práticas com a plataforma Arduino. A robótica será usada como base para que o aluno possa desenvolver seu pensamento, compreendendo como os processos e as relações com a realidade ocorrem, e quais são os resultados obtidos a partir dessas correlações. Para tanto, o projeto utilizará a pesquisa investigativa e exploratória, baseada em estudos de caso e na resolução de problemas. Espera-se que ao concluir o projeto os alunos estejam habilitados a compartilhar seus conhecimentos com os demais alunos do câmpus, através de oficinas de programação aplicada à área de robótica educacional.

 

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

 

O Direito à educação e as políticas públicas: uma avaliação dos Ifs e do IFRS Canoas

Coordenador: Cláudio Antônio Cardoso Leite

Servidores Participantes: Mariano Nicolao

Bolsistas: Deise Bruna Machado Massena (voluntária)

Resumo: Trata-se de um estudo de caso que faz parte de uma política social adotada pelo Governo Lula para a educação profissional e que teve continuidade no Governo Dilma Rousseff. O foco da análise centra-se nas ações que tiveram como objetivo a reestruturação e expansão da Educação profissional e tecnológica associada à universalização da educação básica, dando ênfase, sobretudo às medidas relativas à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. A sociologia é usada como instrumento de análise da efetividade do Direito à educação, enquanto Direito social garantido no âmbito constitucional. Nesse sentido, o projeto tem como objetivo avaliar a implementação dos Ifs em geral e do IFRS Canoas em específico, visando compreender os principais desafios e dificuldades dessa política educacional. Através da análise de dados do TCU - Tribunal de Contas da União, será feita a avaliação geral dos Ifs, já através de trabalhos de campo de cunho etnográfico e análise de dados secundários, bem como documentos será realizada uma avaliação da produtividade do IFRS Canoas. Ambas avaliações visam possibilitar correções e a elaboração de propostas de ações e processos para o aperfeiçoamento dessa política no que tange ao cumprimento dos seus objetivos e finalidades, tal como determinados pela Lei nº 11.892/2008 em relação ao direito à educação profissional.

 

 

 

###########################################################################################

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Projetos anteriores:

 

A robótica como ferramenta para qualificar o ensino no IFRS - Câmpus Canoas

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores Participantes: Patrícia Nogueira Hubler, Edison Silva Lima, Diego Eckhard, Otávio Simões Mano, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello

Bolsistas: Lucas Valadão dos Santos, Pedro Henrique Comassetto, Andres Vidal Berriel, Guilherme Santos da Fontoura

Resumo: A robótica possui inúmeras aplicabilidades, sendo que, atualmente, ela vem ganhando destaque no contexto educacional, onde robôs são construídos e/ou utilizados por alunos e professores de modo que o conhecimento seja construído através da interação com os objetos criados. Desse modo, vislumbrando algumas aplicabilidades e vantagens da robótica, foi elaborado o presente projeto que tem como foco o uso da robótica como forma de qualificar o processo de ensino e aprendizagem dos cursos, dos diversos níveis e áreas, do IFRS câmpus Canoas. A robótica será usada de modo que o aluno ao construir, programar e interagir com o robô possa desenvolver seu pensamento, compreendendo como os processos e as relações com a realidade ocorrem, e os resultados obtidos a partir destes. Para tanto, o projeto utilizará a pesquisa investigativa e exploratória, baseada em estudos de caso e na resolução de problemas. Espera-se que ao concluir o projeto sejam organizadas oficinas de robótica no câmpus para alunos da comunidade interna e externa, bem como a construção de diversos robôs, que irão ser construídos pelos envolvidos no projeto. Assim, pretende-se estabelecer um espaço de aprendizagem multidisciplinar e integrador das mais diversas áreas do conhecimento.

 

.......................................................................................................................................................................................

 

Fundamentos filosófico-históricos da proposta dos Institutos Federais de Educação

Coordenador: Vicente Zatti

Servidores participantes: Cláudio Antônio Cardoso Leite, Édson Régis de Jesus, Sandra Cristina Donner

Bolsista: Karoline Rigo Nunes Karoly

Resumo: A presente pesquisa busca promover a investigação, problematização e reflexão sobre os fundamentos filosófico-históricos da proposta pedagógica dos Institutos Federais de Educação criados pela Lei 11.892 de 2008. Buscamos através da análise dos documentos que criam, normatizam e estabelecem as diretrizes dos IFETs, de análise bibliográfica e de entrevistas, definir quais são as principais referências filosóficas e históricas que serviram de base para configuração da referida proposta pedagógica. Tais referências filosófico-históricas serão objeto de hermenêutica crítica a fim de que tal problematização auxilie no pensar e repensar o processo de implantação dos IFETs, que iniciou em 2008 e ainda está em andamento.

 

.........................................................................................................................................................................................

 

Um modelo para análise de impacto em código fonte usando ontologias e recuperação de informação

Coordenador: Rodrigo Perozzo Noll

Bolsista: Lucas Rieger Beckert

Resumo: Mudanças são inevitáveis durante o ciclo de vida do software. Estas mudanças são resultado de diferentes necessidades, como a evolução do conhecimento sobre os processos de negócio, alterações de ambiente, etc. Nestas circunstâncias, é crucial ter controle sobre o que essas mudanças representam na aplicação. A análise de impacto representa o processo que gera este conhecimento. Essa análise possui um significado abrangente dentro do desenvolvimento de software, incluindo desde a identificação de estruturas no código fonte até o controle das restrições de gerenciamento de projeto. A presente proposta é em sua maioria exploratória e tem como objetivo desenvolver um modelo de análise de impacto de estruturas do código fonte utilizando ontologias. A motivação do uso de ontologias recai sobre os benefícios da integração de uma perspectiva semântica nas técnicas tradicionalmente baseadas na análise sintática do código fonte. Por esta integração, sugere-se que a cobertura e exatidão na recuperação de unidades de código sejam melhores do que outras técnicas existentes. Para o desenvolvimento do modelo de análise de impacto, foi identificada a necessidade de dois submodelos, sendo eles de rastreabilidade e de probabilidade. Uma vez formalizados esses modelos, uma avaliação empírica será conduzida durante a etapa confirmatória deste estudo fazendo uso de experimentos.

 

..........................................................................................................................................................................................

 

Uma metodologia ágil para o desenvolvimento de objetos de aprendizagem

Coordenador: Rodrigo Perozzo Noll

Servidores participantes: Silvia de Castro Bertagnolli, Patricia Nogueira Hubler, Mariano Nicolao

Bolsista: Larissa Pereira

Resumo: Objetos de aprendizagem representam um grupo de materiais organizados de forma significativa para apresentar conteúdos educacionais a estudantes. Estes materiais podem ser documentos, imagens, simulações, jogos ou vídeos que são desenvolvidos para atender um objetivo educacional mensurável e específico. O processo de desenvolvimento destes objetos inclui a aquisição de conhecimento de um domínio em particular, a identificação de objetivos pedagógicos, o projeto e desenvolvimento de um construto digital, o uso e avaliação e, por fim, o empacotamento para o reuso. Este projeto de pesquisa tem como objetivo desenvolver uma metodologia para o desenvolvimento destes objetos de aprendizagem que flexibilize a dinâmica de requisitos utilizando metodologias ágeis como Scrum. Como resultado deste projeto, é esperado como produto a definição de uma metodologia utilizando a ferramenta EPF (Eclipse Process Framework) e a aplicação da metodologia proposta em uma fábrica de objetos de aprendizagem visando a criação de recursos de alta qualidade para as disciplinas de Química e Língua Inglesa dos cursos de nível médio do IFRS - Campus Canoas. A metodologia de pesquisa adotada incluirá estudos de caso e surveys para avaliação do processo proposto.

 

.........................................................................................................................................................................................

 

Um Estudo de Técnicas de Geração Procedural de Conteúdo para Jogos Digitais

Coordenador: Rafael Coimbra Pinto

Bolsista: Kellen Eriane Steindorff Jhanke

Resumo: A cena de desenvolvimento de jogos digitais independentes tem ganhado cada vez mais espaço no mercado, seja pela disponibilidade de ferramentas cada vez mais amigáveis e ágeis para o desenvolvimento, seja pela ampla divulgação que esse tipo de jogo recebe através de sites especializados. Contudo, a vasta maioria dos desenvolvedores que busca se aventurar neste mercado é composta por programadores. Dificuldades surgem no momento de obter conteúdo artístico para os jogos, seja na forma visual ou musical. Uma solução que vem ganhando força recentemente é a de geração procedural de conteúdo (do inglês ?Procedural Content Generation?, PCG). Esta abordagem consiste na geração do conteúdo via programação, ou seja: música, gráficos, efeitos sonoros, fases / níveis, são gerados automaticamente através de algoritmos. Ainda não há exemplos de algoritmos capazes de substituir totalmente o trabalho de um profissional, mas a relação custo-benefício é bastante elevada devido à capacidade de produção de conteúdo ilimitado após a conclusão dos algoritmos, o que é ideal para desenvolvedores independentes. O objetivo deste projeto é produzir uma biblioteca para geração procedural de conteúdo, bem como uma prova de conceito na forma de um jogo digital que a utilize, ambos gratuitos e de código aberto.

 

.........................................................................................................................................................................................

 

Novas Tecnologias e Literatura: possibilidades de ensino-aprendizagem

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores participantes: Cimara Valim

Bolsistas: Giovana Hermes Tonello, Leonardo Cláudio da Rosa (voluntário) e Luciano Bohrer (voluntário)

Resumo: Este projeto de pesquisa investiga as relações entre literatura e novas tecnologias a partir de uma visão teórico-crítica sobre o literário, em especial a narrativa dos séculos XX e XXI, bem como sobre as possibilidades metodológicas de ensino-aprendizagem provenientes da relação entre Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) e Literatura. O projeto busca, para isso, desenvolver, por meio da pesquisa aplicada, produtos e processos de ensino-aprendizagem que conectem as áreas de Ciência da Computação e Letras no IFRS ? Câmpus Canoas, tendo em vista o desenvolvimento de protótipos literários a partir do programa RPG Maker VX Ace e o uso de diferentes e-readers em atividades em prol do desenvolvimento da leitura e da escrita. Para a realização de tais ações, ele conta com os métodos de investigação bibliográfica, exploratória, descritiva e intervencionista. Como resultados esperados, estão o aprofundamento teórico sobre a (neo)leitura, bem como o desenvolvimento do hábito de leitura por parte de alunos do IFRS, além da elaboração de produtos tecnológicos e de processos metodológicos vinculados aos textos literários e às novas tecnologias.

 

.........................................................................................................................................................................................

 

Aprimorando a criação de músicas virtuais através da seleção automática de fonemas

Coordenador: Igor Lorenzato Almeida

Servidores participantes: Denise Regina Pechmann

Bolsista: Leonardo Cláudio da Rosa

Resumo: Este projeto de pesquisa visa o aprimoramento do processo de virtualização musical desenvolvido no IFRS Câmpus Canoas em projeto anterior. Para isto focará seus esforços para automatizar parte importante deste processo, que é a seleção e a configuração dos fonemas. Através da automatização, espera-se reduzir a grande interação necessária entre usuário e máquina na hora da virtualização, o que torna o processo quase artesanal. Uma vez que esta interação seja reduzida, o processo consequentemente se tornará mais simples, mais atrativo e acessível a um número maior de pessoas.

 

.........................................................................................................................................................................................

 

Identificação dos parâmetros de um modelo dinâmico de um biorreator anaeróbico

Coordenador: Diego Eckhard

Outros Participantes: Luciola Campestrini (UFRGS)

Resumo: Os biorreatores anaeróbicos são equipamentos que degradam substratos concentrados como efluentes industriais, dejetos animais e resíduos agrícolas e produzem gás metano que pode ser utilizado para produção de energia elétrica. Recentemente foi descoberto que a inserção de glicerina no biorreator pode aumentar o rendimento da produção do gás metano. Tal descoberta foi realizada pela obtenção de um modelo estático do biorreator, que apenas descreve o ganho estático do sistema. Para ampliar a compreensão sobre o sistema é necessário conhecer o modelo dinâmico, que descreve como o processo decorre ao longo do tempo. Neste trabalho, serão identificados os parâmetros do modelo matemático dinâmico de um biorreator anaeróbico, com o objetivo de obter um modelo que descreve o seu comportamento dinâmico. Para tanto, será utilizado o método de identificação pela minimização do erro de predição em dados coletados de um biorretor de pequena escala. O modelo matemático que será obtido vai descrever a dinâmica da produção do gás metano frente à inserção da glicerina, o que possibilitará maior compreensão sobre o processo e viabilizará a otimização da inserção da glicerina para maximizar a produção de gás metano.

 

.........................................................................................................................................................................................

 

PENSAQUI: um objeto educacional sobre transformações químicas

Coordenadora: Patrícia Nogueira Hubler

Servidores participantes: Daniela Rodrigues da Silva, Silvia de Castro Bertagnolli, Vitor Secretti Bertoncello

Bolsista: Érika Piacheschi Abreu

Resumo: O presente projeto de pesquisa propõe o desenvolvimento de um protótipo de objeto educacional sobre as transformações químicas, um conteúdo fundamental para o estudo de química presente, desde as últimas séries do ensino fundamental até as séries finais do ensino médio. A proposta é organizada a partir de pressupostos construtivistas, onde a concepção pedagógica do objeto educacional problematizará concepções diferentes das cientificamente aceitas, que constituem obstáculos à aprendizagem de conceitos construídos pela ciência. A interação entre o estudante e o objeto educacional permitirá, além de uma estratégia de ensino e aprendizagem, um instrumento para o professor conhecer quais são as compreensões dos seus estudantes a respeito de conceitos que estruturam o estudo da química.

 

..........................................................................................................................................................................................

 

Robótica Aplicada ao Ensino de Programação de Computadores

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Servidores Participantes: Patrícia Nogueira Hubler, Edison Silva Lima, Diego Eckhard, Otávio Simões Mano, Julio Moisés da Silva, Vitor Secretti Bertoncello

Bolsistas: Augusto Zanella Bardini, Karen Giovanaz Nunes, Luiza Mostoswiski Oliveira e Giovanna Hermes Tonello (voluntária)

Resumo: A robótica possui inúmeras aplicabilidades, sendo que, atualmente, ela vem ganhando destaque no contexto educacional, onde robôs são construídos e/ou utilizados por alunos e professores de modo que o conhecimento seja construído através da interação com os objetos criados. No ano de 2012, o IFRS câmpus Canoas recebeu de doação, através de convênio firmado com a Petrobras, 7 kits robóticos xbot - curumin, os quais podem ser usados para desenvolver o raciocínio lógico e a habilidade de programação de computadores. Desse modo, vislumbrando algumas aplicabilidades e vantagens da robótica, foi elaborado o presente projeto que tem como foco o uso destes kits pelos alunos do ensino médio, modalidade integrada, da área de informática. A robótica será usada como base para que o aluno possa desenvolver seu pensamento, compreendendo como os processos e as relações com a realidade ocorrem, e os resultados obtidos a partir destes. Para tanto, o projeto utilizará a pesquisa investigativa e exploratória, baseada em estudos de caso e na resolução de problemas. Espera-se que ao concluir o projeto os alunos estejam habilitados a compartilhar seus conhecimentos com os demais alunos do câmpus, através de oficinas de robótica.

 

....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

 

 

 

 

 

 

* PROJETOS ANTERIORES:

 

Aprofundando conhecimentos de computação através da música virtual

Como motivar alunos a aprofundar seus conhecimentos na área da computação é um desafio. Nem sempre os alunos encontram motivação, ou tão pouco compreendem o porquê de estudarem certos fundamentos teóricos aparentemente desnecessários. Nos últimos anos uma aplicação que vem ganhando muitos adeptos, e até porque não dizer, fãs, é a virtualização musical. Softwares estão sendo desenvolvidos especificamente para produzir novos cantores, no entanto virtuais. Músicas estão sendo produzidas através da edição digital de fonemas pré-gravados. No entanto estes aplicativos de virtualização musical necessitam de inúmeras etapas a partir do momento em que se decide produzir uma nova música, até esta música estar pronta. Estas etapas envolvem a gravação de arquivos, com os fonemas futuramente utilizados pelo software especialista, e principalmente, o pré-processamento destes arquivos antes destes alimentarem o software virtualizador. Considerando o grande número de fonemas que pode haver em uma música, esta tarefa pode se tornar um tanto braçal e repetitiva. Tarefas computacionais que seguem um padrão e possuem um grande número de repetições são excelentes aplicações para o desenvolvimento de programas de computadores. O foco deste projeto é aprofundar os conhecimentos dos alunos relacionados a virtualização musical, iniciando nas ferramentas disponíveis para esta tarefa, passando pelos sistemas operacionais em que estas ferramentas são suportadas, incluindo aí os recursos utilizados em cada um dos sistemas, indo até o desenvolvimento de programas ou scripts, os quais manipularão tanto recursos de sistemas operacionais, bem como dados armazenados em estruturas computacionais apropriadas, visando facilitar a tarefa de virtualização musical.

Coordenador: Igor Lorenzato Almeida

Bolsista: Leonardo Cláudio da Rosa

.........................................................................................................................................................................................

 

Introdução ao Cálculo e Equações Diferenciais - A equação do calor

Muitos fenômenos da natureza dependem da condução de calor, como o decaimento de calor em vidros (Klar 1998), transferência de calor em um barra/chapa de metal (Modest 1993), difusão de temperatura em um fluido (Thompson et al 2008). A equação clássica do calor é linear, evolutiva e de segunda ordem que, juntamente com as condições de contorno e condição inicial, formam um modelo matemático para o problema de transferência de calor. A teoria de existência para esse problema está bem estabelecida na literatura (Modest 1993). Quando o fenômeno estudado envolve, além da condução de calor, a convecção ou a radiação, avançamos para sistemas de equações mais complexos. Tais sistemas também podem envolver dimensões maiores ou não linearidades, tornando a teoria de existência muito limitada, como é o caso do problema de transporte radiativo tridimensional estudado por Thompson. Nessa proposta, pretendemos estudar as equações do calor e do transporte radiativo, dando um enfoque numérico. Pretendemos começar estudando o cálculo diferencial e integral, avançando para a teoria de equações diferenciais ordinárias e parciais. Para obter soluções numéricas, usaremos métodos numéricos tradicionais, como o método de diferenças finitas para equações diferenciais. Também usaremos a linguagem C para programação do algoritmo numérico.

Coordenador: Esequia Sauter

Bolsista: Lucas Valadão dos Santos

.........................................................................................................................................................................................

 

Metodologias para o Desenvolvimento de Objetos Educacionais: uma abordagem interdisciplinar

Os objetos educacionais são mecanismos usados para a aprendizagem virtual por favorecer um novo modo de apresentação dos aspectos teórico-práticos, e ampliar as possibilidades de produção do conhecimento. Existem diversos trabalhos encontrados na literatura para solucionar problemas vinculados ao desenvolvimento dos objetos educacionais, o propósito destes trabalhos está na solução de problemas relacionados aos ensinos de nível Superior e Médio. Assim, o objetivo deste projeto compreende o estabelecimento de padrões para o desenvolvimento de objetos educacionais direcionados aos cursos técnicos, de nível médio e na modalidade integrada. Logo, para desenvolver este projeto foi selecionada como a disciplina de Português dos cursos de nível médio do IFRS - Campus Canoas, a qual se constituirá no estudo de caso, sendo também utilizadas na avaliação do projeto. Espera-se que ao fim deste estudo de caso possam ser identificadas etapas e mecanismos que contribuam para a constituição de uma metodologia para o desenvolvimento de objetos educacionais.

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Bolsista: Lucas Rieger Beckert

.........................................................................................................................................................................................

 

O Direito à educação e as políticas públicas da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica: o caso do campus Canoas do IFRS

Trata-se de um estudo de caso que faz parte de uma política social adotada pelo Governo Lula para a educação profissional e que teve continuidade no Governo Dilma Rousseff. O foco da análise centra-se nas ações que tiveram como objetivo a reestruturação e expansão da Educação profissional e tecnológica associada à universalização da educação básica, dando ênfase, sobretudo às medidas relativas à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, tomando o Câmpus Canoas do IFRS como estudo de caso. A sociologia é usada como instrumento de análise da efetividade do Direito à educação, enquanto Direito social. Nesse sentido, a análise enfatizará os aspectos típicos das políticas públicas relacionados às ações da administração, ressaltando seus avanços, retrocessos e a ingerência do poder público no tocante aos processos de tomada de decisões. A investigação empírica será desenvolvida a partir da análise de dados coletados por meio de observação participante, documentos oficiais e internos, além de consulta aos servidores. O que resultará numa avaliação das ações de implementação do Câmpus, da gestão e da pertinência do modelo de tomada de decisões adotado no que tange aos objetivos da instituição.

Coordenador: Cláudio Antônio Cardoso Leite

Bolsista: Luciane M. Rutzen

.........................................................................................................................................................................................

 

Princípios de usabilidade aplicados ao projeto de objetos educacionais

O processo de desenvolvimento de software requer um conjunto de atividades que visam a obtenção de um produto, capaz de suprir determinadas necessidades. Parte-se, para isso, de uma análise detalhada, passando pela implementação e chegando à fase de implantação propriamente dita, quando o produto final estará pronto para ser utilizado. Neste projeto, busca-se a criação de objetos de aprendizagem, trabalhando, principalmente, na pesquisa de aspectos teóricos relacionados com interação humano-computador e animação de imagens para a implementação desses objetos. A motivação principal desta pesquisa é a possibilidade de aplicar o conhecimento de diferentes áreas na criação dos objetos de aprendizagem, com técnicas da área de informática, vinculando-as a uma metodologia de desenvolvimento deste tipo de objeto. Isso porque, estes objetos são produtos de software desenvolvidos com um propósito específico - o software atuando como mediador do processo de ensino-aprendizagem.

Coordenadora: Silvia de Castro Bertagnolli

Bolsista: Bruna da Rosa Campos

.........................................................................................................................................................................................

 

A relação entre o público e o privado na Educação Profissional em tempos de redefinição do papel do Estado.

O presente projeto tem por objetivo principal analisar a relação entre o público e o privado na Educação Profissional, Técnica e Tecnológica, através da análise das políticas públicas, em especial o PRONATEC - Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, no contexto de redefinição do papel do Estado, que tem como principais estratégias o neoliberalismo, a globalização, a reestruturação produtiva e a Terceira Via. Essas estratégias acabam por redefinir as fronteiras entre o público e o privado, alterando o conteúdo das políticas públicas de educação profissional e desdobram-se, como práticas concretas, no cotidiano dos Institutos Federais de Educação. Trata-se de uma pesquisa de caráter qualitativo que utiliza como instrumentos metodológicos a revisão bibliográfica sobre os temas relacionados, a análise dos documentos que embasam as políticas públicas para a educação profissional e a realização de entrevistas com os diferentes atores envolvidos. Os resultados oriundos desta pesquisa e sua publicização posterior possibilitarão a qualificação do debate sobre o do atual momento da EPT contribuindo, desta forma, no encaminhamento das políticas públicas da educação profissional.

Coordenador: Romir de Oliveira Rodrigues

........................................................................................................................................................................................

 

Institutos Federais de Educação: uma proposta emancipatória?

A presente pesquisa busca promover a reflexão e problematização sobre as possibilidades emancipatórias do modelo educacional dos Institutos Federais de Educação criados pela Lei 11.892 de 2008. Através de categorias do pensamento de filósofos como Habermas, Heidegger e outros, tematiza a relação entre desenvolvimento tecnológico e desenvolvimento humano, racionalidade instrumental e racionalidade comunicativa e, como a articulação desses elementos possibilita a efetivação de uma educação emancipatória no caso dos IFETs.

Coordenador: Vicente Zatti

Bolsista: Luiz Antônio Teixeira Júnior

..........................................................................................................................................................................................

 

Laboratório de Investigação Matemática - Aprendensinar

O Projeto LIM - Laboratório de Investigação Matemática Aprendensinar, devido ao alto índice de reprovação e evasão dos alunos nos cursos superiores em geral com fortes indícios de serem decorrentes da formação básica dos alunos tem como objetivo a pesquisa para a criação e inovação de metodologias, estratégias e espaços de ensino e aprendizagem de matemática de forma que possibilitem ao aluno a imersão em um campo de experimentação, substituindo a confiança pela desconfiança das verdades existentes, investigando os conhecimentos matemáticos para criar os conceitos, não se contentando em somente aceitá-los. As propostas de recursos, ambientes e práticas docentes visam levar o aluno a aprender a aprender, a valorizar a matemática, sentindo-se seguro em fazer matemática, resolver problemas, comunicar-se por meio dessa ciência, raciocinar, formular e argumentar a validez de uma hipótese, proporcionando a aquisição não só de conhecimentos, mas também de habilidades no exercício de pensar matematicamente. A metodologia de trabalho que será empregada no projeto compreende desde a criação desses recursos e espaços até a intervenção investigativa nas formas de aprender e, como tal, prevê a modalidade de oficinas e aulas abertas como estratégia de experimentação.

Coordenadora: Núbia Lúcia Cardoso Guimarães

.........................................................................................................................................................................................

 

Leitura em Rede: gêneros textuais, mídias e incentivo à leitura

Este projeto tem como objeto a pesquisa em informação e comunicação para o desenvolvimento tecnológico e a ampliação da capacidade inovadora do IFRS - Câmpus Canoas, através da busca de novas tecnologias de leitura e da geração de produtos tecnológicos inovadores a serviço de novos processos de tratamento dos gêneros textuais. As práticas de ensino e aprendizagem dos gêneros textuais contribuem à expansão das possibilidades de desenvolvimento da leitura e da escrita nos diferentes níveis de ensino, principalmente quando observamos que estas estão cada vez mais conectadas às novas tecnologias. Os textos exercem, na sociedade contemporânea, grande influência no indivíduo - cada vez mais imerso a informações verbais, que chegam a ele por meio de diferentes tempos, espaços e linguagens - e em suas identificações identitárias. Através da análise e da criação de possibilidades de interação tecnológica entre espaços textuais, o projeto visa repensar conexões entre linguagens, mídias e textualidade que contribuam à ampliação de horizontes sobre indivíduos, sociedade, processos transculturais, práticas discursivas e pedagógicas, a fim de transformar os modos de olhar a própria realidade em transformação. Também procura oferecer subsídios teóricos e práticos para o desenvolvimento de saberes e tecnologias em prol de uma nova pedagogia da leitura.

Coordenadora: Cimara Valim de Melo

Bolsista: Juliane Schroeder

.........................................................................................................................................................................................

 

Inovação no ensino de sociologia com a utilização de objetos virtuais de aprendizagem

A pesquisa será realizada com base na implementação da disciplina de sociologia como obrigatória no ensino médio, tendo como foco os cursos técnicos integrados do IFRS - Câmpus Canoas. Estes cursos foram identificados como de prioridade pela lei que criou os Institutos Federais. O projeto visa inovar no ensino de sociologia ao utilizar como escopo a sociologia da cultura e do audiovisual. Serão analisados produtos culturais como dados empíricos da realidade social, aplicados no processo de ensino de sociologia. Além disso, esses produtos serão adaptados como objetos de aprendizagem virtual na forma de vídeos, clipes ou fotografias digitais. O projeto visa, também, promover o estímulo à produção cultural e a divulgação científica e tecnológica, por meio da organização de eventos para a exposição dos produtos culturais analisados e adaptados para serem utilizados como objetos de aprendizagem.

Coordenadora: Patrícia Nogueira Hubler

Bolsistas: Mariana Cunha César/ Curso Técnico Subsequente e Antonio G. Rolin Jr./Curso Integrado

.........................................................................................................................................................................................

 

O Direito Educacional e as Políticas Públicas

Trata-se de uma análise sociológica e jurídica das políticas públicas adotadas pelo Governo Lula para a educação profissional e que tiveram continuidade no Governo Dilma Rousseff. O foco da análise centra-se nas ações que tiveram como objetivo a reestruturação e expansão da Educação profissional e tecnológica associada à universalização da educação básica, dando ênfase, sobretudo, às medidas relativas à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, tomando o IFRS como estudo de caso. A sociologia é usada como instrumento de análise da efetividade do Direito educacional, enquanto direito social garantido constitucionalmente, através de tais políticas. Nesse sentido, a análise enfatizará os aspectos sociais e políticos típicos das políticas públicas relacionados às ações da administração, ressaltando os avanços e retrocessos e a ingerência do poder público no tocante ao ordenamento jurídico nacional, em nível constitucional, infraconstitucional e infralegal, aplicado as relações educacionais.  A investigação empírica será desenvolvida a partir da análise das normas jurídicas que orientam a educação pública, dos documentos oficiais da Rede e das ações do IFRS. O que possibilitará a construção de indicadores quanto à efetividade das ações e a elaboração de um 'Manual Técnico de Desenvolvimento Institucional'.

Coordenador: Cláudio Leite

Bolsista: Ciro José Magalhães Veiga / Curso Superior

.........................................................................................................................................................................................

 

Metodologia para o Desenvolvimento de Objetos Educacionais

A comunicação e colaboração virtual, utilizando Internet, despontam como processos inovadores na aquisição do conhecimento. Essa convergência entre presencial e virtual permite o desenvolvimento de um trabalho mais dinâmico e complexo, pois não possui limites de tempo e espaço para ocorrer. Nesse contexto, surgem os objetos educacionais, que compreendem um dos mecanismos usados para a aprendizagem virtual por favorecer um novo modo de apresentação dos aspectos teórico-práticos, e ampliar as possibilidades de produção do conhecimento. Existem diversos trabalhos encontrados na literatura para solucionar problemas vinculados ao desenvolvimento dos objetos educacionais, o propósito destes trabalhos está na solução de problemas relacionados aos ensinos de nível Superior e Médio. Assim, o objetivo deste projeto compreende a elaboração e avaliação de metodologias para o desenvolvimento de objetos educacionais direcionados aos cursos técnicos, de nível médio e na modalidade integrada. Logo, para desenvolver este projeto foram selecionadas as disciplinas de Química, Biologia, Português e Inglês dos cursos de nível médio do IFRS - Câmpus Canoas, as quais integrarão o estudo de caso e serão utilizadas na avaliação do projeto. Espera-se que ao estabelecer a metodologia seja possível analisá-la e aplicá-la às outras áreas do conhecimento, visando assim o aperfeiçoamento do ensino local e regional.

Coordenadora: Silvia Bertagnolli

Bolsista: Luciane da Silva / Curso Técnico Subsequente

.........................................................................................................................................................................................

 

Livro na Sala

O projeto de pesquisa Livro na Sala investiga a inserção do objeto livro na sociedade e no ambiente escolar em seus aspectos históricos, sociais, afetivos e iconográficos, bem como o espaço físico da sala de aula como lugar de ensino e aprendizagem. O objetivo da pesquisa é inserir e problematizar o livro como objeto de leitura nas salas de aulas e no ambiente doméstico, investigando quais as implicações do maior contato com livros para a formação do leitor. Como metodologia de pesquisa, serão implantadas minibibliotecas nas salas de aula dos cursos técnicos integrados ao ensino médio, que permitirão atuar com o objeto livro como uma ferramenta tecnológica e desenvolver novas relações com a leitura. Serão também realizadas oficinas de 'escrileitura' a fim de investigar sobre a temática 'livros no cotidiano escolar e não escolar'. Nas oficinas, o livro e a sala de aula são problematizados como objeto e espaço de aversão, desejo e expectativas e são elaborados textos, imagens e outras formas de intervenções diante dos sentimentos que a leitura de livros suscita e a posse ou não posse de livros deixa entrever.

Coordenadora: Fabiana Fidelis

Bolsista: Diego Canto Rodrigues / Curso Técnico Integrado

..........................................................................................................................................................................................

 

A resolução de problemas como estratégia de aprendizagem em química: um estudo de caso no IFRS - Câmpus Canoas

Na busca pelo aprofundamento das compreensões dos processos de ensinar e aprender química, o presente projeto propõe analisar, de forma processual, aspectos da aprendizagem de conceitos fundamentais vinculados às transformações químicas. Os sujeitos da pesquisa, estudantes de ensino técnico de nível médio da modalidade integrada do IFRS - Câmpus Canoas, participarão de atividades de aprendizagem organizadas a partir de diferentes estratégias, como a resolução de problemas 'em papel e lápis', em atividades experimentais de laboratório e em ações desenvolvidas em ambientes virtuais de aprendizagem. Também é objetivo do projeto, a partir dos resultados das análises que serão realizadas na investigação, a construção de um objeto de aprendizagem mediado pelo uso do computador que permita analisar condições vinculadas à criatividade no processo de aprender química, ação que pressupõe a interação de duas áreas do conhecimento, a química e a informática. A metodologia utilizada será um estudo de caso desenvolvido no IFRS - Câmpus Canoas e nos laboratórios do Instituto de Química da UFRGS, instituições de ensino em que a coordenadora do projeto atua como docente e como doutoranda, respectivamente.

Coordenadora: Daniela Rodrigues da Silva

Bolsista: Erika Piacheski de Abreu / Curso Técnico Integrado

.........................................................................................................................................................................................

 

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Canoas

Rua Dra. Maria Zélia Carneiro de Figueiredo, 870-A | Bairro Igara III | CEP: 92412-240 | Canoas/RS

E-mail: comunicacao@canoas.ifrs.edu.br | Telefone: (51) 3415-8200